Slide background
Dois viajantes retidos na aduana de um aeroporto são obrigados a conviver num limbo suspenso. Enquanto aguardam para seguir viagem, cada um se acomoda tendo somente sua mala para inventar um espaço pessoal.
Estrangeiros colocados frente a frente, com suas culturas e seus hábitos vão se aproximar e se afrontar para talvez se encontrarem.

 

Espetáculo Adulto
Classificação: acessível para crianças a partir de 8 anos
Duração: 70 minutos
Local: Palco Italiano ou Espaço Cênico

Criado em 2007, inicialmente intitulado “Solas de Vento”, é o primeiro espetáculo da Cia. Já percorreu Festivais em Munique (Alemanha), São Paulo, Bahia e Rio de Janeiro e participou em 2014 do Palco Giratório (rede SESC).
O espetáculo foi indicado ao Prêmio FEMSA 2012 (1°semestre) nas categorias Direção, Cenografia e Atuação.

 

“Homens de Solas de Vento” aborda a questão da diversidade cultural em uma performance cênica que mescla dança contemporânea, teatro e as artes circenses da acrobacia e do trapézio permitindo que os atores fiquem suspensos durante grande parte do espetáculo.
A dramaturgia gestual e a trilha sonora, composta especialmente para esse trabalho, ilustram os episódios do encontro que são contados apenas pela expressividade dos corpos, sem uso de palavra, de forma cômica, poética e fantástica.

 

Com leveza, “Homens de Solas de Vento” convida o público a questionar as relações humanas dentro de um mundo globalizado, através da surpreendente convivência de dois indivíduos de culturas diferentes.

criação e atuação • Bruno Rudolf e Ricardo Rodrigues
direção • Rodrigo Matheus
trilha sonora • Marcelo Lujan
iluminação • Douglas Valiense e Maria Druck
orientação de arte • Luciana Bueno
orientação circense • Erica Stoppel
orientação coreográfica • Adriana Grecchi
orientação técnica • Alex Marinho
fotografia • Mariana Chama